Gandu: PM apreende elemento por porte ilegal de arma de fogo e roubo de celulares; outro e baleado.


A guarnição Delta do PETO,sob o comando do Comandante do PETO, aprendeu nesta terça 22, o elemento conhecido como Lucas, morador da rua Manoel Moreira Barbosa, Eliseu Leal, que estaria envolvido nos vários roubos de celulares na cidade de Gandu. Esses roubos eram cometidos por dois elementos em uma motocicleta preta e que já vinham fazendo um “arrastão” em Gandu desde o último domingo.

Lucas confessou o cometimento de dois roubos de celulares. Ele também já tem várias passagens em Delegacias na cidade de São Paulo e, inclusive, está na condicional por ter furtado um carro naquela cidade.

Relatou que cometia os roubos juntamente com um elemento conhecido como Cláudio, morador do bairro Matadouro e que guardava a arma e os celulares roubados na casa de Lázaro, morador do bairro Leonel.

A guarnição deslocou até a residência de Lázaro, que tentou evadir pelo quintal e ao avistar o policial efetuou um disparo de arma de fogo para trás enquanto fugia. O policial revidou a injusta agressão agindo em Legítima defesa, alvejando o elemento na perna esquerda. Com Lázaro foi encontrado um revólver calibre 38. Foi dado o socorro imediato a Lázaro, que foi atendido no Hospital de Gandu e transferido para o Hospital de Base de Itabuna, sem risco de morte.

Em seguida, a guarnição deslocou para a residência de Cláudio, parceiro de Lucas. Na casa dele foi encontrado o celular de umas das vítima da dupla, porém Cláudio já havia evadido.

Algumas vítimas reconheceram Lucas como sendo um dos autores do roubo e formalizaram prestando queixa na Delegacia de Gandu.

O acusado e todo material apreendido foram conduzidos e apresentados na Delegacia de Polícia de Gandu para serem tomadas as medidas cabíveis.

A 60 CIPM, mais uma vez, dá uma resposta rápida para a sociedade, trazendo de volta a sensação de paz e segurança aos Ganduenses.

MATERIAL APREENDIDO:

 01 revólver calibre 38 especial;

 04 munições picotadas e 01 munição deflagrada;

 01 celular Samsung Duos branco (da vítima).


publicidade